Frases de São João Paulo II que acompanham a juventude

POSTADO EM 02 de Abril de 2017

Há 12 anos, São João Paulo II “voltava para a casa do Pai”. Em 2 de abril de 2005 a Sé ficava vacante. Morria – ou melhor – voltava para a Casa do Pai, quem hoje a Igreja venera como São João Paulo II.
“O Papa João Paulo II morreu esta noite às 21h37min, em seus aposentos do Vaticano”, declarou ao mundo naquele sábado à noite o, à época, Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Joaquín Navarro-Valls.

Recorde algumas frases que ainda hoje motivam a juventude:

“Queridos jovens, ide com confiança ao encontro de Jesus, e, como os novos santos, não tenhais medo de falar d’Ele! Porque Cristo é a resposta verdadeira para todas as perguntas sobre o homem e sobre o seu destino”
(Vigília de oração com os jovens em Madri, Espanha – 03/05/2003) 

“Ao conformarmos a nossa vida com a Sua, vivendo como Ele no amor, adquirimos a verdadeira liberdade para respondermos à nossa vocação. Isto às vezes pode exigir o heroísmo moral, que consiste em empenhar-se com coragem no seguimento de Cristo, com a certeza de que o Mestre nos indica o caminho da felicidade. É somente em nome de Cristo que se pode ir até ao extremo do amor, no dom e no desapego “
(Discurso aos jovens na JMJ em Paris – 21/08/1997)

“Jovens de todos os continentes, não tenhais medo de ser os santos do novo milênio!”
(Mensagem por ocasião da XV JMJ – 29/06/1999) 

 

LOsservatoreRomano

“Confirmai e aprofundai a vossa adesão à comunidade cristã a que pertenceis (…) o Papa acompanha-vos com afeto e, parafraseando uma afirmação de Santa Catarina de Sena, diz-vos: ‘Se fordes aquilo que deveis ser, pegareis fogo ao mundo inteiro!’”
(Missa de encerramento da JMJ no Jubileu do ano 2000, Roma – 20/08/2000)

“Caros jovens, só Jesus conhece o vosso coração e os vossos anseios mais profundos. Só Ele, que vos amou até à morte (cf. Jo13, 1) é capaz de saciar as vossas aspirações. As suas palavras são de vida eterna, palavras que dão sentido à vida. Ninguém, senão Jesus, poderá dar-vos a verdadeira felicidade”
(Mensagem em preparação para a Jornada Diocesana da Juventude – 08/03/2003)

“Sede jovens de fé! de verdadeira e de profunda fé cristã!”(Discurso aos jovens em Ótranto – 05/10/1980)

“Desde a eternidade, Deus já havia pensado em nós e nos amado como pessoas únicas e insubstituíveis. Ele nos chama e seu chamado se concretiza por meio da pessoa de Jesus Cristo que nos diz, como disse aos apóstolos: ‘Vem e segue-me!’”
(Vigília da JMJ em Santiago de Compostela – 19/08/1989)

“Jovens, ‘recebestes o Espírito que, por adoção, vos torna filhos’ (Rm 8, 15). Não desperdiceis esta grande herança”
(Conclusão da  JMJ em  Cz?stochowa, na Polônia – 15/08/1991)

“Todo encontro entre os jovens católicos e outros jovens cristãos deve ser uma ocasião para descobrirem juntos, ainda mais plenamente, as riquezas da mensagem evangélica da vida e do amor”
(Acolhida dos Jovens na JMJ em Denver – 12/08/1993)

“O futuro depende de vossa maturidade. A Igreja olha para o futuro com confiança, quando ouve de vossos lábios a mesma resposta que Jesus deu a Maria e José, quando o encontraram no templo, ‘Não sabeis que devo ocupar-me das coisas de meu Pai? (Lc 2, 49)’”
(Encerramento da JMJ em Manila – 15/01/1995)

LOsservatoreRomano

“Em um mundo onde o mal parece triunfar, em que às vezes a esperança parece sufocada (…) fazei-vos próximos uns dos outros, como Cristo Se fez próximo de vós”
(Meditação na Via Sacra na JMJ em Paris – 22/08/1997)

“Convido- vos a ir beber na fonte da vida que é Cristo, a fim de inventardes todos os dias os meios para servir os vossos irmãos no seio da sociedade em que vos compete assumir as vossas responsabilidades de homens e de fiéis. A humanidade tem necessidade de vós nos campos sociais, científicos e técnicos”
(Discurso aos jovens na JMJ em Paris – 21/08/1997)

“Fazei resplandecer a luz de Cristo nas vossas vidas! Não espereis por ser mais idosos, para vos empenhardes no caminho da santidade! A santidade é sempre jovem, como eterna é a juventude de Deus”
(Vigília na JMJ em Toronto, 27/07/2002)

“Seguir Cristo não significa mortificar os dons que Ele nos concede, mas optar por uma vida de doação radical a Ele! Se Ele nos chama a isto, este “sim” torna-se necessário! Por conseguinte, não tenhais medo de vos entregar a Ele. Jesus sabe como deveis levar hoje a sua Cruz ao mundo, para encontrar as expectativas de muitos outros corações juvenis”
(Jornada Diocesana em Roma – 01/04/2004)

Por Canção Nova

© Copyright 2017. Desenvolvido por Cúria Online do Brasil